O Secretário-Chefe da Casa Militar implementa ações de Defesa Civil na Baixada Santista

baixa santista 3

BAIXADA SANTISTANa madrugada desta terça-feira (3), as cidades de Santos, Guarujá e São Vicente foram atingidas por uma chuva intensa e contínua, que provocou alagamentos em diversos pontos da região e gerou um desabamento nas encostas dos morros da Baixada Santista. O Secretário-Chefe da Casa Militar, que também é o Coordenador Estadual de Proteção e Defesa Civil,  implementou ações para prestar ajuda à população, bem como as equipes de salvamento e resgate, além de realizar uma análise geral da situação que causou pânico no litoral e de esclarecer ao povo paulista as medidas à serem tomadas para mitigar e reparar os danos da tragédia.

49614313486_9910f93f4e_c49616974763_b3ffae4831_w49617751357_826806dcbc_wNúmeros: Até o momento, a chuva de terça-feira (3) provocou a morte de 31 pessoas e o desaparecimento de 49 nas 3 cidades afetadas. O Governador do Estado de São Paulo decretou estado de luto por 3 dias; o Departamento de Proteção e Defesa Civil, da Casa Militar, do Gabinete do Governador, disponibilizou 21,2 toneladas de materiais de ajuda humanitária, sendo eles: colchões, cobertores, cestas básicas, roupas, água sanitária, kits de limpeza, kits de higiene e água potável.

BAIXADA SANTISTA 249617751602_fb61f496c8_w49614193993_4275172ef1_w(1)

Para Mais informações, acesse os sites: http://www.saopaulo.sp.gov.br/ultimas-noticias/ e http://www.defesacivil.sp.gov.br/